Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Aprender uma coisa nova por dia

Nem sabe o bem que lhe fazia

Menino ou menina?

Menino ou menina? - Maria das Palavras | Imagem Pixabay

Mas, afinal, o que determina o sexo do bebé?

E - não menos importante - por que raio vou escrever sobre isto agora?

Respondo primeiro à segunda. 
Ando a ler o livro D.Teresa. E como qualquer história que meta reis e sucessões, as mulheres sofrem uma pressão danada para dar à luz filhos varões. Não ensinara a ciência ainda nesse tempo aos magnânimos e exigentes reis (que se não vissem chegar descendência masculina, trocavam a esposa) que a "culpa" era apenas e só deles. 

Vamos aos factos: é o homem que determina o sexo do seu filho.
O género é determinado por dois cromossomas. Um materno, que é sempre X. E um paterno, que vai no espermatozóide, e que pode ser X ou Y. Se a combinação for XX é uma menina. Se a combinação for XY é um menino.

A fonte deste post é uma professora de ciências de algum dos anos do meu ensino básico. Aparentemente o seu nome não se fixou tão bem na minha mente como a fórmula dela para eu decorar a distinção do género: quando tem pilinha, é menino (o Y, dizia ela, tem pilinha).

 

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.