Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Aprender uma coisa nova por dia

Nem sabe o bem que lhe fazia

Os 16 sintomas mais comuns do VIH/SIDA

download.jpg

É uma das doença mais temíveis, sem qualquer dúvida. Vi esta reportagem e pareceu-me demasiado importante e que deve ser divulgada por todos os meios.

 

Cerca de 40% a 90% das pessoas infetadas pelo Vírus da Imunodeficiência Adquirida (VIH) apresentam sintomas semelhantes aos da gripe um a dois meses depois da contaminação. Porém, em outras pessoas os sintomas podem demorar anos. Veja aqui quais são os 16 principais sinais que, se forem constantes, devem levá-lo a fazer um teste de sangue.

  1. Febres persistentes - Um dos primeiros sinais pode ser uma febre ligeira, até cerca de 38,9ºC. A febre é muitas vezes acompanhada de outros sintomas leves como fadiga, aumento dos gânglios linfáticos (formação de ínguas) e dor de garganta. A febre indica uma reação inflamatória do organismo respondendo ao VIH que está a tentar replicar-se na corrente sanguínea.
  2. Herpes labial ou genital - Pode ser sinal de que tem VIH ou também pode ser um fator de risco para contrair o vírus. O herpes pode causar úlceras que facilitam a entrada do VIH no corpo durante as relações sexuais. E as pessoas que têm VIH tendem a ter surtos de herpes com mais frequência, porque o vírus enfraquece o sistema imune.
  3. Erupções cutâneas - As erupções cutâneas podem ocorrer no início da infeção. Podem surgir sob a forma de furúnculos, com algumas áreas rosa, coceira nos braços e também no tronco. Se as erupções não são facilmente tratáveis, deve procurar ajuda.
  4. Formigueiro no pé - O VIH pode causar dormência e formigueiro nas mãos e pés quer no início quer na fase final da infeção. É designada por neuropatia periférica, que também ocorre em pessoas com a diabetes não controlada.
  5. Alterações das unhas - Outro sinal de infeção tardia são alterações nas cores das unhas. Maior espessura, curvatura, divisão ou descoloração (preto ou linhas castanhas verticais ou horizontais) são alguns sinais. Muitas vezes, deve-se a infeções por fungos. O sistema imunitário está fraco o que permite infeções mais facilmente.
  6. Rápida perda de peso - A perda de peso é um sinal que a doença está mais avançada e pode ser em parte uma consequência da diarreia agravada.
  7. Gânglios linfáticos inchados - Muitos dos sintomas da presença do vírus da Sida e da Gripe são os mesmos, como dor nas articulações e músculos e gânglios linfáticos inchados. Inspecione as axilas, virilhas e pescoço.
  8. Suores noturnos - Cerca de metade das pessoas têm suores noturnos durante as fases iniciais da infeção pelo VIH. Estes podem ser ainda mais comuns depois da infeção generalizada. Semelhantes ao calor excessivo que as mulheres sentem na menopausa, são difíceis de ignorar.
  9. Diarreia, náuseas e vómitos - Entre 30% a 60% das pessoas com VIH têm náuseas a curto prazo, vómitos ou diarreia nas fases iniciais da transmissão do VIH.
  10. Dor de cabeça e garganta - Bastante comuns a outras doenças, a dor de cabeça e a dor de garganta se forem constantes e sem causa aparente podem dever-se a uma infeção pelo vírus da Sida.
  11. Fadiga - A resposta inflamatória gerada pelo seu sistema imunitário pode fazê-lo sentir-se cansado e letárgico.
  12. Menstruação irregular - Se a doente desenvolver Sida, o risco de ter irregularidades menstruais aumenta. Essas mudanças, no entanto, têm a ver com a perda de peso e com problemas de saúde relacionadas com a infeção.
  13. Pneumonia - Porque o sistema imunitário está débil, infeções como a pneumonia tornam-se mais comuns Outras infeções oportunistas como a toxoplasmose, herpes, fungos podem tornar-se também comuns.
  14. Infeções fúngicas - Outra infecção fúngica que é comum em fases posteriores é a provocada pelo fungo Cândida.
  15. Confusão ou dificuldades de concentração - Os problemas cognitivos podem ser um sinal de demência relacionado com o VIH, o que geralmente ocorre tardiamente no curso da doença. Além de confusão e dificuldade de concentração, a demência relacionada com a Sida também pode envolver problemas de memória e problemas comportamentais, como raiva ou irritabilidade.
    Pode até incluir alterações motoras, tornar-se desajeitado e ter falta de coordenação.
  16. Tosse seca constante - Quando os antibióticos e inaladores não resolvem o problema pode ser um sinal suspeito do vírus da Sida, quando conciliado com outros sintomas.

Se tem vários destes sintomas e tem ou já teve comportamentos de risco, faça o teste. Fale com o seu médico de família ou dirija-se ao Centro de Saúde mais próximo.

Fonte