Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Aprender uma coisa nova por dia

Nem sabe o bem que lhe fazia

Insolação: No que consiste e como prevenir!

Chegam estas ondas de calor, e chega também o tempo de alertar para a prevenção de determinadas doenças que surgem com mais frequência durante o Verão.

 

Uma delas, é sem dúvida, a Insolação!

 

 

 

Muitas são as pessoas que chegam às urgências hospitalares com insolações, que podiam ter sido perfeitamente prevenidas. Por isso estejam atentos, e acima de tudo, gozem este calor, seja na praia, em casa, num passeio, etc., com muita prudência.

 

A insolação ocorre devido a uma exposição prolongada ao sol ou calor intenso, e traduz-se na incapacidade do nosso organismo produzir suor suficiente, para fazer diminuir a sua temperatura corporal, podendo atingir níveis perigosamente elevados e provocar um golpe de calor.

 

É através da desidratação, dores de cabeça, pele seca, quente e avermelhada, febre, tonturas, queimaduras na pele, e/ou na pior das hipóteses, convulsões ou perda de consciência, que verificamos que alguém está a desenvolver uma insolação.

 

Desta forma, e se constatarmos que tal está acontecer e a pessoa estiver consciente, devemos:

  • Levar a pessoa para uma sombra e/ou lugar fresco;
  • Retirar roupa em excesso para a pessoa conseguir ventilar mais facilmente;
  • Hidrata-la a nível cutâneo, molhando a pele com água fresca (mas não emergindo total e diretamente em água fria, por exemplo, numa banheira ou no mar, para não fomentarmos a ocorrência de um choque térmico);
  • Hidrata-la a nível oral, oferecendo água ou chá fresco, devendo evitar bebidas com álcool e cafeína, pois aumentam a probabilidade de desidratação;

 

 

Contudo, se a pessoa não melhorar, deverão acompanha-la ao hospital ou ligar para o 112, pois poderá significar que a pessoa necessita de cuidados médicos especializados.