Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Aprender uma coisa nova por dia

Nem sabe o bem que lhe fazia

comer de forma saudável é caro?

li numa revista, há uns tempos, a queixa de uma concorrente do peso pesado no sentido de que lhe era muito difícil manter o peso perdido porque estava numa situação económica complicada. logo, dizia ela, se mal tinha dinheiro para comprar arroz e massa muito menos conseguiria comprar a alimentação necessária para emagrecer ou, no mínimo, manter o peso perdido.

nesse dia comentei com um grupo de amigos que nunca imaginara que a alimentação saudável fosse extremamente cara. na verdade, sempre consumi algumas carnes caseiras criadas pelos meus pais pelo que nem sempre tive noção real dos preços. na altura, os meus amigos riram-se na minha cara: "ai não sabias? não tens a noção de que o leite de soja, por exemplo é caro, assim como os pães de cereais ou alimentos sem glúten? e os cereais integrais como arroz e massa? um balúrdio. já para não falar de salmão e peixes frescos! não, a culpa das pessoas serem gordas não é delas mas do sistema económico actual."

a minha confusão aumentou quando umas amigas vindas dos estados unidos fizeram questão de dizer que montes de pessoas gigantes, daquelas que vemos nos filmes, eram necessariamente obesas porque não tinham dinheiro para mais senão aqueles baldes de frango frito comprado no kfc que lhes servia como alimentação única diária.

assumi sem mais questionar que comer bem, de forma variável e saudável é caro... até há uns tempos, quando me interessei pela matéria. e não meus senhores, como podereis ver pela imagem abaixo, não é.

primeiro, porque não precisamos todos de comer comida sem glúten (a não ser que sejamos intolerantes) para nos alimentarmos de forma saudável. da mesma forma não é necessário comermos salmão todos os dias ou beber leite de soja aos litros (a não ser claro, que sejamos intolerantes à lactose). 

o exercício que fiz abaixo (e que me deu litros mas litros de trabalho) é muito simples: peguei nas coisas que comprava antes e que compro agora e fiz as diferenças de preço. tenho como base o site do jumbo online (onde faço as compras) e as marcas são brancas (quando não são menciono a marca em causa). 

e a conclusão meus senhores? pois observem! gastava mais dinheiro antes do que agora, numa alimentação muito mais saudável e variada.

 

(alguma dúvida - e conclusões complementares - estou nos comentários. não me quero alongar muito mais que isto já está grande à séria).

beijinhos, até à próxima.

 

MJ

file-page1.png

 

 

 

26 comentários

Comentar post

Pág. 1/2