Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Aprender uma coisa nova por dia

Nem sabe o bem que lhe fazia

Pôr-do-sol - magia e "mistério"

Quem nunca se deslumbrou com um pôr-do-sol magnífico, num fim de tarde, no campo ou na praia?

Também designado “ocaso” ou “ocidente”, por alusão ao ponto cardeal oeste - “lado" onde o sol se põe - o pôr-do-sol, ou “momento do dia em que o sol desaparece no horizonte”, é um fenómeno natural “romântico e inspirador”. Talvez o fenómeno natural mais fotografado em todo o mundo.

Depois do sol desaparecer no horizonte, a sua luz permanece (ainda) visível durante algum tempo - período de luminosidade decrescente, designado de “crepúsculo vespertino[1]”.´

Diz-se que “o sol nasce quando ele surge no horizonte pela manhã”; diz-se que “o sol se põe quando ele desaparece no horizonte à tarde”. Os termos “nascer” e “pôr-do-sol” têm a sua origem na crença (antiga) de que todos os dias nascia um novo sol.

Contrariamente ao que julgamos: o sol não nasce no ponto cardeal este; nasce do lado leste onde nos encontramos, assim como não se põe no ponto cardeal oeste, mas sim do lado oeste de onde nos encontramos; cada dia do ano o sol nasce e põe-se num local diferente.

O ocaso acontece pelo movimento de rotação que realiza o nosso planeta. Este deslocamento faz com que o Sol fique debaixo do horizonte e que deixemos de o ver. O ocaso, por conseguinte, representa o final do dia e o começo da noite: a luz solar já não ilumina o território em questão.

 

269.JPG

272.JPG

274.JPG

279.JPG

283.JPG

285.JPG

Nota: todas as imagens deste post são da minha autoria.

 

Leia mais em:

Conceito de ocaso - O que é, Definição e Significado http://conceito.de/ocaso#ixzz3gdSLMBQW

http://www.sunrise-and-sunset.com/pt/sun/portugal

 

Sítios consultados:

http://www.priberam.pt/dlpo/p%C3%B4r-do-sol

http://www.significados.com.br/crepusculo/

http://conceito.de/ocaso

http://www.cdcc.usp.br/cda/ensino-fundamental-astronomia/parte1a.html

 

 

[1] O contrário – crepúsculo matutino – refere-se à luminosidade crescente, de iluminação das camadas superiores da atmosfera, quando o sol, embora escondido, já está próximo do horizonte; acontece com os primeiros raios de sol.

 

 

O que é a Meditação?

Dizer a alguém "Não faças nada, deixa-te ficar simplesmente por aí" quase que se tornou num lugar comum, mas é algo que muitos de nós ainda sentem alguma/muita dificuldade em fazer. Afinal, o que acham que acontecerá se pararmos e se pusermos de parte algum tempo para mais nada fazer excepto estarmos conscientes de nós mesmos? 

 

Cada um de nós terá a sua resposta se o fizer, mas sem dúvida que a diminuição/controlo do stress comum do dia-a-dia e de determinadas preocupações, será uma das realidades com as quais nos iremos deparar.

 

 

Falando de uma forma muito simples, a arte da meditação é a arte de se estar consigo mesmo, é um meio através do qual podemos estar mais conscientes de nós mesmos e desenvolver um forte sentido de positividade emocional. Com base nestes alicerces podemos então atuar criativamente no mundo de maneira a ajudar a nós mesmos e aos outros, conhecendo de forma mais profunda a nossa mente e os nossos estados mentais e emocionais e encorajá-los em determinadas direções. 

Pode parecer-vos complicado, mas com uma prática constante, a meditação acaba por ser até bem simples, podendo ocorrer a qualquer altura do dia e em qualquer local, desde que estejamos confortáveis e que tenhamos (no mínimo) alguns minutos para nós próprios. 

 

Há quase 10 anos, quando me iniciei no mundo da meditação, houve um poema de Miroslav Holub que nunca mais me esqueci. Ficou gravado na minha memória e está frequentemente presente no meu pensamento em vários momentos da minha vida.

Esse poema, "A Porta", fala sobre a porta que se abre para dentro, para nos revelar as nossas necessidades mais profundas, assim como as nossas aspirações mais elevadas.

É essa porta que se abre quando tornamos a prática de meditação, parte integrante do nosso quotidiano. 

 

Espero que gostem. 

 

 

 

Vai e abre a porta.

Talvez lá fora haja

uma árvore, ou um bosque,

um jardim,

ou uma cidade mágica.

 

Vai e abre a porta.

Talvez haja um cão a vasculhar.

Talvez vejas uma cara, 

ou um olho,

ou a imagem de uma imagem.

 

Vai e abre a porta.

Se houver nevoeiro

dissipar-se-á.

 

Vai e abre a porta.

Mesmo que nada mais haja

que o tiquetaque da escuridão,

mesmo que nada mais haja

que o vento surdo,

mesmo que nada mais haja,

vai e abre a porta.

 

Pelo menos haverá uma corrente de ar.

 

 

Fonte

 

 

Os gatos e as bolas de pêlo

964779_487373411318628_769875177_o.jpg

 

Quem tem gatos sabe que eles passam imenso tempo nas lavagens e, por isso, engolem imenso pêlo.

O Surdinho, o gato da minha sobrinha, tem imenso pêlo e, apesar de todos os cuidados da alimentação e dos suplementos que toma, de vez em quando lá vêm as bolas de pêlo. Até que disseram à minha irmã para fazer isto e não é que tem ajudado bastante e, além disso, ele adora.

Além dos gatos adorarem é muito fácil de plantar, é económico e muito prático. É assim: coloque terra num vaso e semeie os grãos de milho para pipocas. Passado 3 semanas já estão do tamanho do desta foto e eles já o podem comer.

Um dos benefícios da grama do milho é ajudar na eliminação de bolas de pêlos, bem como contribuir para o bom funcionamento intestinal.

Eles adoram e nós também gostamos que eles se sintam bem!!!

Canela

Nenhum arroz doce ou pastel de nata está completo sem uma pitada de canela. E uma pitada no café dá-lhe um sabor muito especial. Cá em casa, infelizmente, não pode ser muito usada porque o meu filho é alérgico à canela.

Quando a anacb me disse que ia enviar uma contribuição para esta rubrica, nunca pensei que fosse sobre esta especiaria que tanto gosto.

Então vamos lá aprender umas coisas sobre a canela.

A canela, que consumimos habitualmente em pó, obtém-se a partir da casca interna da caneleira, uma árvore originária do Sri Lanka que se encontra actualmente disseminada por todo o mundo, sendo comum nas zonas muito húmidas e preferencialmente montanhosas.

A substância química responsável pelo sabor e odor característicos da canela é o cinamaldeído.

A canela é fonte de manganésio (um antioxidante), ferro, cálcio e fibra. É excelente para o cérebro, impulsionando a função e a memória cognitivas, e para o sistema neurológico. Além disso, alguns pequenos estudos parecem indicar que a canela pode trazer benefícios para a saúde, se ingerida regularmente, reduzindo ligeiramente as taxas de açúcar e colesterol LDL no sangue. A dose ideal situar-se-ia entre ½ e 1 colher de chá por dia, no total. Muito saborosa, a canela pode ser usada na culinária como compensação para o açúcar, em termos de paladar – como tem um sabor adocicado e intenso, uma pequenina quantidade é suficiente para disfarçar a redução na quantidade de açúcar que se utiliza para fazer uma sobremesa, por exemplo.

Contudo, antes de desatarmos a engolir colheres de canela em pó umas atrás das outras, há que saber que a canela é um pó muito cáustico, cujas fibras de celulose são biorresistentes e não se dissolvem nem se degradam nos pulmões. Por isso, ao ingerir algum alimento com canela é preciso muito cuidado para não a aspirar, pois causa grande irritação pulmonar.

Além do uso tradicional na comida, a canela é excelente quando associada ao café ou ao chocolate. Um bocadinho de canela em pó misturada no café com leite ou no leite com chocolate, por exemplo, dá-lhes um sabor diferente e absolutamente delicioso. E é bom para a saúde.

Fica ainda a dica da Ana Silva "coloco um pau de canela numa garrafa de água (preferencialmente na véspera) e vou bebendo ao longo do dia, é uma forma beber água e aliar o beneficio da canela."

Limpar os Rins

Quem já passou por uma crise renal, diz que é a pior dor do mundo! Ela acontece porque os nossos rins, ao longo da vida vão filtrando o nosso sangue para remover o sal e outros intoxicantes que entram no organismo. Com o tempo, o sal vai-se acumulando e precisamos de fazer uma limpeza.

rins.jpg

 

Assim, aqui fica um conselho, ou melhor, uma receita natural, eficaz para limparmos os nossos rins:

 

Pegue num molho de salsa e lave bem. De seguida corte-a bem picadinha e ponha-a num tacho com água limpa.
Ferva por 10 minutos e deixe arrefecer.
Coe e coloque a água numa jarra com tampa e guarde no frigorífico.
Beba um copo todos os dias durante 1 semana. Irá notar que o sal e os outros venenos acumulados nos rins sairão pela urina.


Curiosidades sobre a Salsa:

salsa.jpg

 

A salsa é uma das ervas com propriedades terapêuticas menos reconhecidas.
Ela contém mais vitamina C do que qualquer outro vegetal da nossa culinária (166mg por 100g) - 3 vezes mais que a laranja.
A salsa contém também:

ferro (5.5mg /100g),
magnésio (2.7mg / 100g),
cálcio (245mg / 100g) e
potássio (1mg / 100g)
Esta planta é um poderoso diurético, curando a retenção de água no organismo, sendo recomendada para a pedra nos rins, para o reumatismo e para as cólicas menstruais.

A sua alta concentração de vitamina C ajuda na absorção de ferro.
O sumo de salsa, sendo uma bebida natural, pode ser tomado misturado com outros sumos, 3 vezes ao dia.
As folhas podem ser mantidas no congelador, e o seu uso é recomendado na culinária diária, pois além de saudável, dá um óptimo sabor a qualquer receita.
É também muito bom para hipertensos.

 

 

Como tirar a humidade do Sal

 

 

No outro dia andava a navegar pela internet e vi um vídeo de como desidratar o sal, ou seja, retirar-lhe toda a humidade. 

Para isso basta aquece-lo no fogão durante 3 minutos, dependendo da quantidade. 

Depois só temos de deixar arrefecer e coloca-lo novamente no saleiro.

Expressões populares

No nosso dia-a-dia usamos algumas expressões tão antigas que, muitos de nós, sabem o que elas querem dizer mas desconhecem a sua origem.

Hoje trago-vos a origem de algumas dessas expressões, que achei bastante curiosas:

 

Discutir o sexo dos anjos

Quando os turcos invadiram Constantinopla, capital do Império Bizantino, no século XV, saqueando e incendiando a cidade, violando mulheres e assassinando o último imperador, os teólogos locais, impassíveis, continuaram em concílio, onde discutiam se Adão tinha umbigo e qual era o sexo dos anjos.

Obras de Santa Engrácia

Erguida em 1568, a igreja de Santa Engrácia, em Lisboa, foi severamente danificada por uma tempestade, em 1681. A sua reconstrução foi iniciada em 1682 mas só seria concluída em 1966 – 284 anos após o início da obra. Segundo a tradição popular, a igreja havia sido amaldiçoada como consequência de um amor impossível. Simão Pires Solis, um cristão-novo, cavalgava todos os dias até ao convento de Santa Clara, que ficava ao lado da igreja de Santa Engrácia, que estava em obras, para se encontrar às escondidas com a jovem Violante, feita noviça à força por seu pai, que não concordava com o namoro. Numa dessas noites, em 15 de janeiro de 1630,foi furtado o relicário de Santa Engrácia. Simão foi acusado do furto, preso e barbaramente torturado. Não podendo revelar a razão pela qual rondava a igreja todas as noites, pois comprometeria a amada, foi condenado à morte na fogueira. A execução da pena ocorreu em 3 de janeiro de 1631, nas proximidades das obras da nova igreja de Santa Engrácia. Enquanto as labaredas envolviam seu corpo, Simão gritava que era tão certo morrer inocente como as obras nunca acabarem. De fato, as obras da igreja duraram quase 300 anos. 

Ovo de Colombo

Num banquete na casa do cardeal Ximenes, ao ouvir o comentário de que, para descobrir a América bastava ter pensado nisso, Cristóvão Colombo desafiou os presentes a colocarem um ovo em pé sobre uma das extremidades. Como ninguém conseguiu, Colombo bateu ligeiramente a ponta do ovo na mesa e assim o colocou em equilíbrio estável. Todos retrucaram que assim também o fariam. Sem dúvida, retrucou Colombo, mas era preciso pensar isso, e ninguém o fez, senão eu.

Bicho de sete cabeças

A expressão tem origem discutida, mas destaco a que indica que a sua origem está na mitologia grega, mais precisamente na história da Hidra de Lerna, uma monstruosa serpente com sete (ou nove) cabeças que se regeneravam mal eram cortadas e exalavam um vapor que matava quem estivesse por perto. A morte da Hidra foi o segundo dos famosos doze trabalhos de Hércules.

 

Dez termos médicos traduzidos para linguagem comum

Quando estudamos qualquer tipo de ciências médicas, há coisas com as quais somos literalmente bombardeados e que de uma forma ou de outra temos de encaixar.

Chega ao ponto em que essas coisas se encaixam de tal forma, que não só já não saem, como perduram e se infiltram noutras áreas da nossa vida. Uma delas são os termos técnicos/médicos que aprendemos e que tanto aplicamos no nosso dia-a-dia profissional, e que acabamos por aplica-los noutras situações da nossa vida (muito naturalmente). Claro que, nestes momentos, as pessoas olham para nós como se não fizéssemos parte deste planeta. 

E a verdade é que eu as compreendo, pois quando me apercebo, sei que se estivesse no lugar oposto, provavelmente sentiria o mesmo.

 

Há pouco tempo voltei a ter esta sensação, e hoje lembrei-me de descrever aqui o que significam determinados termos técnicos que os profissionais de saúde utilizam com frequência e que identificam manifestações bastante conhecidas no "Português comum":

 

1. Equimose = Nódoa negra;

 

2. Edema = Inchaço; 

 

3. Cefaleia = dor de cabeça;

 

4. Prurido = Comichão;

 

5. Adiposo = Gordura;

 

6. Obstipação = "Prisão de Ventre";

 

7. Decúbito = Posição;

 

8. Eritema = "Vermelhidão";

 

9. Hipotensão = Tensão Arterial Baixa;

 

10. Micção = Ato de urinar.

 

 

Espero que vos seja útil 

Água com limão

Benefícios da água com limão

sem nome.png

 


O limão é um energético natural que hidrata e oxigena o corpo, o que faz com que nós nos sintamos revitalizados.

Assim, esprema 1/2 limão para um copo de água morna e beba de seguida. Para aumentar os benefícios beba em jejum.



Benefícios:
- fortalece o sistema imunitário;
- equilibra o PH;
- hidrata e purifica o sistema linfático;
- possui efeito diurético;
- acelera o metabolismo;
- ajuda a digestão;
- alivia a dor de dentes;
- auxilia na perda de peso;
- purifica o sangue;
- reduz a febre;
- ajuda nos problemas respiratórios;
- cura infeções da garganta;
- diminui rugas e manchas.


Pág. 1/2